ENTENDA COMO O PLANEJAMENTO CONTÁBIL PODE FACILITAR A GESTÃO DO SEU NEGÓCIO

A maioria dos empreendedores inicia uma atividade comercial de maneira espontânea e sem nenhuma pretensão de construir formalmente uma empresa. Mas quando se dão conta já estão com funcionários, clientes, taxas bancárias, fornecedores e uma infinidade de questões que precisam ser diligentemente resolvidas.

Em virtude disso, as exigências burocráticas vão ficando de lado. Afinal, todo mundo acha chato ter que lidar com impostos, fazer declarações de renda, registrar meticulosamente as receitas e as despesas etc. Até que um cliente exige nota fiscal, você precisa expandir seu negócio, mas não tem nenhum registro com a estimativa dos seus rendimentos e nem sabe quando o investimento se tornará lucrativo. Você precisa contratar um funcionário com carteira assinada, mas não tem CNPJ.

E agora, o que fazer?

Diante dessas situações, a melhor maneira de não ser pego de surpresa é ter um planejamento contábil. Se você ainda não tem, confira algumas sugestões para deixar seu salão de beleza pronto para crescer e longe de problemas jurídicos.

VOCÊ COM MAIOR CONTROLE FINANCEIRO

O planejamento contábil é um grande aliado no momento de avaliar a saúde financeira do salão de beleza. Ele não vai apenas lhe dizer o total das despesas e receitas, mas expor com rigor a evolução do seu patrimônio.

Muitos empreendedores não sabem como medir o crescimento do negócio, o grau de rentabilidade, a capacidade de antecipar riscos e fazer investimentos. E todas essas questões exigem uma avaliação contábil.

O fato de ter dinheiro entrando em um estabelecimento comercial não significa que ele é lucrativo. Afinal, existem despesas, obrigações e imprevistos para as quais você precisa estar pronto para lidar.

A melhor maneira de não se enganar é ter um registro diário de todas as despesas e receitas, ter consciência dos impostos que incidem em cada produto ou serviço e a capacidade financeira que o seu negócio tem para suportar determinados ônus.

Com um planejamento contábil, determinadas decisões financeiras poderão ser tomadas com maior clareza. Citamos como exemplos:

  • Fazer um investimento para melhorar a estrutura física do salão;
  • Contratar novos funcionários;
  • Gerir um fundo de reserva (capital de risco);
  • Promover ações de marketing e publicidade para divulgar produtos e serviço.

Essas são apenas algumas decisões que você pode tomar, mas que terão uma implicação financeira. E nada melhor que ter um panorama de sua situação contábil para poder tomar essas decisões.

EVITE PROBLEMAS JURÍDICOS E FISCAIS COM O PLANEJAMENTO CONTÁBIL

Todo negócio precisa estar formalizado para poder emitir notas fiscais, declarar seus rendimentos, tirar um CNPJ, contratar funcionários e abrir novas unidades.

Caso o seu negócio não pague os impostos que são devidos ou esteja em desarmonia com alguma exigência legal, seu estabelecimento comercial poderá sofrer restrições no funcionamento e você terá que pagar multas. E isso não é agradável para você e muito menos para os seus clientes.

Se você ainda não se formalizou ou deseja lidar melhor com as questões contábeis da sua empresa, confira algumas soluções para pequenos, médios e grandes salões de beleza.

Pequenos salões de beleza: se você trabalha sozinho ou possui apenas um único funcionário, a melhor solução é se tornar um Microempreendedor Individual (MEI).

Para se tornar um MEI você precisa fazer o seu cadastro no Portal do Empreendedor e ir à prefeitura da sua cidade para obter a licença necessária para emitir notas fiscais.

A vantagem é que, ao se tornar MEI, você paga todos os impostos em uma única guia de recolhimento com um valor simbólico.

Se você quiser saber todos os detalhes sobre o MEI, basta conferir as instruções no Portal do Empreendedor ou entrar em contato com uma unidade do SEBRAE de sua cidade.

Médios salões de beleza: se você possui mais de um funcionário e o seu negócio tem um rendimento mensal superior a R$ 5.000,00, a melhor opção é contratar um contador autônomo ou um escritório de contabilidade.

O seu contador irá avaliar a melhor forma de enquadrar o seu negócio no Simples Nacional, fazendo um planejamento contábil para que você tenha todos os dados financeiros do seu negócio em mãos e envie todas as declarações em dia.

Acerte com seu contador um preço mensal pelos serviços, que respeite o tamanho do seu negócio.

Grandes salões ou redes de salões de beleza: se você possui um salão de beleza de grande porte, com mais de uma filial, ou pretende expandir o seu negócio, já deve ter um contador ou contar com o apoio de um escritório de contabilidade. Contudo, quando o negócio está crescendo muito rápido ou já possui uma receita média que é previsível, o ideal é contratar uma empresa para fazer uma auditoria contábil.

Deste modo, você vai verificar quais são suas maiores despesas, identificar quais são os impostos que mais oneram o seu negócio, quais os serviços mais requisitados. A empresa de auditoria também vai avaliar se seus livros contábeis estão corretos e preparar toda a papelada para que você possa abrir uma nova filial, além de manter de maneira bem organizada todos os dados contábeis a respeito do seu salão de beleza.

E aí, o seu salão possui um planejamento contábil?

 

2019-06-18T03:33:28+00:00