CONTRATE O PROFISSIONAL CERTO COM ESSAS TRÊS DICAS

Administrar um salão de beleza é algo bastante complicado e muito complexo por uma série de motivos. Um deles que podemos destacar aqui é a necessidade de saber como lidar com os recursos humanos do seu empreendimento. Sem eles, você provavelmente não iria longe e, ao mesmo tempo, você deve saber impor limites e desenvolver o que há de melhor em cada profissional.

A dúvida bate mesmo é na hora de contratar alguém. Como você poderá escolher alguém para ser o funcionário do seu salão de beleza? Com estas três dicas, você pode sair daqui com uma resposta em mente.

SEMPRE CONSULTE A PROCEDÊNCIA

Uma das melhores formas de saber se aquele profissional é o certo para a sua empresa é através de algumas consultas aos lugares nos quais ele trabalhou antes. A partir disso, você pode fazer uma série de perguntas que elucidam essa questão. Primeiro, pergunte a ele os motivos pelas suas saídas dos salões anteriores. Então, preste atenção nos sinais de dificuldades de relacionamento com outros funcionários.

Certamente ele tentará esconder essa sua característica. Portanto, consulte os outros salões e veja o que os administradores têm a dizer. Sempre leve isso em consideração para depois não sofrer com ingratas surpresas. Muitos podem que ser uma pirâmide do Egito na entrevista e no currículo. Porém, podem ser manipulativos e criadores de intrigas dentro do salão.

O salão de beleza é um empreendimento que traz mais intimidade entre os profissionais que em outras áreas. Por isso, é importante averiguar se o profissional tem a postura que seu negócio exige ou é só mais encrenqueiro.

PROPONHA UM TESTE DURANTE

Peça para o profissional aspirante ao cargo dar uma amostra de suas habilidades. Você pode escolher a “cobaia” e ver o resultado. Por exemplo, crie uma série de jogos que visem situações comuns em um dia-a-dia de um salão de beleza.

Pergunte ao candidato o que ele faria em tal situação para ver se a resposta condiz com o que você espera. O que mais deve ser ressaltado aqui neste tópico é: testar é primordial. Em suma, você precisa testar para saber se vai dar certo.

E aqui estão os pontos que precisam estar enquadrados no seu experimento: facilidade com trabalho em equipe, habilidade profissional, empatia com os clientes, frieza para encarar situações de pressão e atualização de seus conhecimentos sobre beleza.

Fique atento a tudo isso.

EVITE PROFISSIONAIS QUE MOREM LONGE (OU DEEM DESCULPAS)

Eis um grande problema esse tipo de profissional. Se você perguntar o porquê de ele ter saído de outros empregos e perceber uma conversa mole, algo que não bate muito com a realidade, fique atento, pois nesse mato tem cachorro.

Isso acontece geralmente com profissionais que moram longe e têm que passar o dia todo trabalhando. Afinal, eles se cansam para depois pegar um coletivo e chegar em casa 1h30 depois. Isso é desgastante.

Muitas empresas não contratam funcionários que moram longe justamente por esse inconveniente. E se você morar em uma grande metrópole brasileira, pior ainda. Nessa cidade, o trânsito é bem mais crítico, desgastando o profissional física e mentalmente. Então, ele se torna mal-humorado, o que compromete o seu trabalho. Embora isso aconteça, não é uma regra geral. Pois existem excelentes profissionais que enfrentam essas dificuldades e não deixam o ambiente externo interferir em suas atribuições durante o expediente.

Dar desculpas já é um ponto muito malvisto no mundo corporativo. Ao contrário de dar motivos para não ter dado certo, o correto seria fazer alguma coisa para mudar a situação. Então, se você perceber, através das respostas, que aquele funcionário dá mais desculpas do que produz, é sinal de que haverá problemas futuros. Afinal, você não quer nenhum problema com o seu salão de beleza, não é mesmo?

Por Péricles Brito, 27/08/2014

2018-06-29T11:31:24+00:00